quinta-feira, 24 de setembro de 2009

A IMPORTÂNCIA DA AMAMENTAÇÃO NA PREVENÇÃO DAS MÁS-OCLUSÕES


A lactação natural, atua nos primeiros seis meses de vida, através de músculos e articulações em desenvolvimento, estimula fortemente o crescimento da mandíbula para frente. Sob esta influência, que se repete a intervalos regulares várias vezes ao dia, a mandíbula vai se desenvolvendo e os roletes gengivais (gengiva sem dentes), ao final de cinco a seis meses, terminam por se encontrar bem relacionados e em posições normais.
Quando este mecanismo natural não se processa, as possibilidades de estabelecimento de uma desarmonia óssea e, consequentemente dentária no futuro, atinge cerca de 70% dos casos.
Além da falta de estímulo de crescimento mandibular, as crianças com alimentação artificial nesta fase, apresentam com frequência indícios de super-alimentação e consequentemente sobrecarga das funções estomacais, além de diminuição de sua resistência orgânica, por falta de ingestão de anticorpos presentes no leite materno.

Exemplo de má oclusão com deficiência de crescimento mandibular:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário